Preto Velho ensina...

Preto Velho nos ensina que a equipe de trabalho espiritual, já conhece as necessidades e anseios daqueles que irão se consultar, até mesmo antes do início dos trabalhos, e que estimula o assistido falar sobre seus pedidos, conselhos desejados, orientações e analise de suas condutas e valores, para estabelecer cumplicidade, confiança e desabafo.

Lembra-nos que sempre promove o apoio e conselhos para a decisão a ser tomada sempre pelo assistido, pois não deseja e não interfere nas opções possíveis, respeitando o livre arbítrio, porém analisando as consequências e efeitos possíveis, benéficos ou não, de acordo com as Leis de Amor de Zambi.

Ainda, demonstra apoio conforme merecimento e/ou permissão, abrandando e afastando interferências, inspirando ajuda e esclarecimento a aqueles que interagem com o assistido, visando o perdão, compreensão, caridade e estímulo ao amor incondicional.

O uso de cachimbo, e a fumaça, ajudam a identificar desequilíbrios no assistido, promove defumação e limpeza.

Há a aplicação de passes.

Preto Velho sempre vê como principal objetivo, trazer para mais próximo de Oxalá e Zambi o assistido, demonstrando que faz de sua parte o aconselhamento, fomentando a fé. Sempre quando possível, lembra que não deseja a dependência do assistido, pela assistência espiritual, desejando seu crescimento e fortalecimento, fazendo-o saber sempre ser bem vindo, mas que o alcance e vitória nas suas lutas independem da presença e interferência espiritual, e sim de sua opção em seguir e colocar em prática, a filosofia de Oxalá. Não deseja filhos dependentes, e sim o contrário, fazendo-os sabedores de suas capacidades e necessidade da análise e reformulação de valores e de suas condutas.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Discurso de índio pataxó...

Rota 66 - EUA - "Diário de viagem"

F3K e F3J Planadores RC...

Símbolos do motociclismo

Quero ser motociclista...

Jesus fornecendo germes de aprendizado...

Lavagem de moto

Parque Ecológico Vale Verde - Betim / MG