Alegria do servir...

Será difícil descrever, as alegrias de servir a Zambi. Não me refiro somente aos obreiros da Umbanda, e sim de todos aqueles que em qualquer religião, ou
mesmo fora de qualquer laço religioso, prestam serviço segundo as Leis de Amor de Zambi.
Mesmo pequenos atos, como uma pequena frase, podem produzir um efeito revigorante e trazer sorriso, alívio, alegria.
Se seus atos, dedicação, ou atitudes conseguem produzir uma mudança a quem deseja apoio, mesmo sendo você mero instrumento mediúnico de Guias e Mentores, ficam reflexos no servente, promovendo realização pessoal.
O universo da Umbanda e seus atos nos proporcionam estas joias, verdadeiros tesouros que devem ser guardados no íntimo.
Dia a dia, um pequeno passo para a reformulação íntima...
Agraciados somos constantemente, com o apoio espiritual, que zela por todos trabalhadores da seara de Jesus.
Abençoada oportunidade e amável permissão de participar e carregar, mesmo que de forma singela, a Bandeira de Oxalá.


 Servir a Zambi, lhe confere créditos que suavizam seus débitos, pois:
"Fica sempre um pouco de perfume
Nas mãos que oferecem rosas
Nas mãos que sabem ser generosas
Dar o pouco que se tem a quem tem menos ainda
Enriquece o doador, faz sua alma ainda mais linda
Dar ao próximo alegria parece coisa tão singela
Aos olhos de Deus porém é das artes a mais bela" (Judith Junqueira)

"Os rios não bebem sua própria água; as árvores não comem seus próprios frutos. O sol não brilha para si mesmo; e as flores não espalham sua fragrância para si. Viver para os outros é uma regra da natureza. (...)
A vida é boa quando você está feliz; mas a vida é muito melhor quando os outros estão felizes por sua causa."
-Papa Francisco

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Hino da Umbanda

Sim à vida, não ao aborto

O que falta na Umbanda...

Umbanda é para poucos...

Rota 66 - EUA - "Diário de viagem"

Por que?

Parque Sabina - Santo André/SP

Ouro Preto - MG

Archaeopteryx...

Piracicaba - SP