Pilares regendo nossa vida...

Quais os pilares que dão sentido à nossa existência?
Como compreender, aprender, analisar e compreender nossa jornada e
necessidade evolutiva?
Aonde buscar o equilíbrio e clareza para poder prosseguir em nossa caminhada?

Babalaô Sérgio Constantini, dirigente da Casa de Umbanda Águas de Oxum, nos esclarece e convida para a reflexão.

Tenhamos um exemplo para ilustrar a linha de pensamento proposta por Sérgio: Duas pessoas com iguais atitudes, com mesmo louvor e dedicação ao Criador, suplicam ajuda para transpor um mesmo problema enfrentado na vida, um é auxiliado e o outro não. Como se sentiria aquele que não obteve ajuda? Revolta, negação da fé, incredulidade?

Não, não é passível de se visualizar os atos de Zambi, como prevalecendo a ajuda a uns e negando-a a outros. Como Nosso Criador, fonte de amor Divino e incondicional poderia eleger a uns, menosprezar a este ou aquele? Realmente esta possibilidade é absurda e não faz parte da amorosa relação de Criador e seus filhos, obra de Seu amor - a criação.

Para compreender o que nesses casos acontece, ou melhor, como são nesses casos regidas as ajudas e intervenções dos obreiros de Zambi, existem três pilares que nunca devem ser esquecidos:
  • JUSTIÇA
  • AMOR
  • REENCARNAÇÃO
Acima de qualquer intervenção possível para ajudar alguém, ligado a qualquer religião ou mesmo sendo um convicto ateu, prevalece sempre a JUSTIÇA. "Quem deve paga, quem merece recebe", lei imutável de Xangô, regendo a toda a criação. Não adianta atitudes externas, anos de serviço voluntário, joelhos calejados de tanto orar, se toda essa compreensão e atitudes não refletem em mudança íntima, correção de valores e erros cristalizados na mente e coração.
Sem merecimento, nada lhe é dado. Em sendo devedor, por plantios errados, a colheita é obrigatória, e condizente ao que se plantou.

O AMOR de Zambi alcança a todos nós, estamos constantemente sendo agraciados de todas as formas possíveis pela manutenção de nossa vida, oportunidade de aprendizado e aconselhamento amoroso de nossos guias e mentores, sendo igualmente indiferente o credo ou convicções religiosas. Capacitados somos em amealhar, distribuir e vivenciar o amor, tornamo-nos livres para vivencia-lo com todos aqueles que Zambi nos proporciona conviver em nossa existência. O amor é ferramenta indispensável para a compreensão, caminhada feliz e realização pessoal.

A REENCARNAÇÃO são degraus de burilamento pessoal e evolução espiritual. São possibilidades infinitas de reconhecermos nossos erros, aprendizado, transformação pessoal e corrigendas de atitudes errôneas praticadas nesta ou passadas encarnações.

Nada nos vem para nosso mal, Zambi não o permitiria nunca. Tudo agradável ou desagradável nos é proporcionado para nosso aprendizado. Nossas lutas, lágrimas, sorrisos e realizações são edificantes aprendizados na escola da vida.

Nunca se intitule vítima. NÃO EXISTE PUNIÇÃO DIVINA, EXISTEM SOMENTE CONSEQUÊNCIAS. 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Hino da Umbanda

Sim à vida, não ao aborto

O que falta na Umbanda...

Umbanda é para poucos...

Rota 66 - EUA - "Diário de viagem"

Por que?

Parque Sabina - Santo André/SP

Ouro Preto - MG

Archaeopteryx...

Piracicaba - SP